sábado, março 12, 2011

ENÍGMA

Enigma

Que o amor à forma fecunda os momentos,
A promessa enfeita, rejeita o céu amoroso.
Nesse vago passado e presente vira templo,
Ao coração, a vida cinde o ar seco e poroso...

Nada se explica aos versos polidos no vazio,
Soltos, suspensos em réstia de tempestades
Naquelas enormes nuvens sob um céu frio
Congelando a nossa essência na intensidade...

Assim, corta a razão, a volúpia esvai pelo viés,
E por ti, os versos se perdoam, beijam o chão
Dos teus pés louvando... Tu que me és e não és
Enigma galopado do tédio, paraíso e solidão...

Se é assim que és: nas igrejas e terreiros da Bahia
De joelhos, acendo as velas, oro a Orixás e Santos.
Do amor no teu úbere a candeia é chama tão fria
Aos defuntos desejos dos nossos entretantos...

Para no delírio saborear o mel do rosa da tua boca
E por entre sede, trovoadas e punhais das antíteses
Ser a cobiça dos teus lábios carmim na agonia louca
Do faz de contas das delicias e viajar na maionese...

Na tua penteadeira:
Espelhos temporais
E flores debruadas
Em jarros chineses
Do Paraguai!
Na tua cama:
Nenhum eco
Dos meus uis e aís...

O Sibarita

8 comentários:

SAM disse...

Boa tarde Sibarita!


O amor é sempre lindo, perfeito ou não, quando em versos. Estes são belos, melancólicos e líricos. Os enigmas costumam habitar nos sentimentos e pensamentos ( onde nada é claro o suficiente) dos que amam ...


Beijos com carinho amigo e bom fim de semana!

Guacira Maciel disse...

Olá, querido,bom que esteja de volta.
Belo poema! pleno de significados e mistérios...
Beijo,
Guacira.

Anônimo disse...

Olá meu lindo amigo Siba.
Como sempre poesias lindas e quase sempre dificeis de se decifrar.
Muitas, refletem o espelho de tua alma.
Vc. sabe como representar os obstaculos, os enignas e dogmas.
Queria ter essa habilidade de escrever sentimentos em formas de amor centrico.
Mas isso não é para qualquer um e sim para um senhor SIBARITA>
Seja benvindo de volta ao Blog.
Não posso dizer o mesmo da DEUSAODOYA>.
Caminhos as vezes são traçados, mas nem sempre encontrados, e assim é a vida e os enigmas.
Muito bem escrito e elaborado seu enigma.
Uma semana de muitas realizações, paz, amor, luz e fé.
Fé nesse grande mestre Jesus.
Sua amiga de sempre .
Regina

mARa disse...

Saudades!!!!

...nenhum sinal dos meus uis e ais entre as coisas do paraguai, aí!

Querido amor é isso essa mescla de lembranças, esses aís, vianjando na maionese...

Bom te Ler!

Olhos de Mel disse...

Siba; que bom, você voltou! E em grande estilo... Amei a poesia! Um pouco enigmática, mas maravilhosa!
Bem vindo de volta, viu? Estava com saudade.
Beijos

Sherazad disse...

Oie meu amigo querido; lindo poema! Seja bem vindo de volta! Beijos

Olhos de mel disse...

Querido Siba; passando para lhe desejar um fim de semana pleno em amores, cheiros e canções...
Paz e saúde!
Beijos

Olhos de mel disse...

Querido Siba; passei para deixar um beijo e dizer que sua presença faz falta.
Boa semana! Beijos