segunda-feira, dezembro 26, 2011

SOLITUDE

Solitude

E tudo, agora, exulta. A primavera e a flor...
O coração absorve funde tudo num só afago.
Ah, esse querer, porque nascestes e és amor
Fluindo em chamas como aspiração do âmago...

Quero saciar minha sede seguindo a tua estrada
Mas, diga-me: Em qual coração anda o teu coração
Ou envio o meu coração ao Santuário de Fátima
E dessa velada angústia espero a tua revelação?

No entanto, estás absorta, não ouço tua voz! Oh, flor
É que sonho encontrar-te em plena solitude, o amar...
Mar azul, desejos, toques e essa luz peregrina do amor
Que se acende num canto, qualquer canto, do meu olhar!

Em mim, tudo cintila... O amor, a paixão! E sem medos
Tombarei imerso nas íris dos teus olhos de luas acesas
E... Guardarei o meu coração por entre os teus dedos
Para que percas o medo e, cristalina, o amor te veja...

Lúcida, sem manto, perpetuando o róseo azul da paixão
Em que a minha alma ardente há de sentir-te... Embora,
Nesses versos pulse o chamamento... O meu coração
Não finge a dor, nem o sonho... A solitude sopra lá fora!

O Sibarita

7 comentários:

Paula Barros disse...

Que lindo!!! Que poema, que sentimento mais lindo. Depois volto para reler e reler.

abraço.

Olhos de mel disse...

Nossa Siba, que coisa mais linda! Que chamamento mais doce, mais encantador, apaixonante e porque não dizer, tentador?
Boa semana! Beijos

Olhos de mel disse...

Siba; FELIZ 2012! Espero contar com você, sempre! Muita saúde, paz, amor e realizações!
Beijos

Uma aprendiz disse...

Oi, Siba

Belíssima!

Tenho certeza que seu Natal foi perfeito. E 2012 lhe trará tudo de melhor.

Obrigada por seu carinho e atenção para comigo.

Meu coração é seu... rsrsrsrs

beijos
de sua amiga paulista

Desnuda disse...

Querido amigo Sibarita,


Leio e respiro o aroma destes belos versos. Comentar tamanha beleza não se pode.


Um feliz e abençoado ano de 2012 Siba! Beijos com carinho e abraço de gratidão.

Bandys disse...

Passando para desejar um super ano novo.

To viajando.
Na volta eu volto pra ler.

Que Deus sabençoes cada dia do novo ano!!

Sua amiga sempre

Anônimo disse...

Meu querido amigo Siba.
Existe coisa mais linda, pura e verdadeira que um amor assim...
O amor é o balsamo que precisamos na vida, e sua poesia nos exalta com precisão,o fulgor de uma paixão.
Vc. como sempre um poeta de sonhos, da realidade em contraste com sua realidade e inspiração.
O amor não precisa de palavras, o silêncio do amor á a mais bela sinfonia que se executa com o coração.
Se tiver que interromper o silêncio faça-o de maneira bem suave.
Pois nessa sua poesia,o amor sempre floresce em traços de luz.
Os versos que vc. Siba escreve expressam sempre o desejo de sua alma.
Um feliz Ano Novo.!!!!!!!!
Que seus caminhos sejam tão limpidos como as aguas do mais sonhado riacho.
Suas angústias sejam poucas , como a última ave mais rara.
Suas fantasias sejam tão boas, como o desejo da joia mais cara.
Sua amiga de sempre e com muitas saudades desse amigo poeta.
Regina Coeli(DEUSAODOYA).
Fique na pazzzzzzz.