quinta-feira, julho 09, 2009

É O SILÊNCIO!

É o Silêncio!

É o silêncio... Agora, ouço tão somente, o silêncio
E dentro da noite, o pulsar da lua no coração vazio,
Chama-me! Chama por chamar, tão clara, tão leve,
Tão cheia de luz, que flameja, flui, desfaz-se e foge...

Agora é tempo e, esse silêncio dentro de mim
Algo cintilante, solto, circunda, apaga os rastros
De refúgios intocados no querer que não tem fim
É que não sei se abstrata é a moldura ou a pintura...

É o silêncio... O cigarro e os desejos acesos
Mas, entre a sala e o quarto, os meus passos
Banham-se de sono, enquanto, moças da noite
Murchas, pisadas, passadas, enfeitam espaços
Nos bordéis e fazem dos gozos seus açoites...

Então, quando a noite sai do coldre... Ela, a lua
Bordeja em luz pelos quatro cantos de Salvador
E na claridade da volúpia, no cio, infiltra-se nua
Nas camas que circulam as moças venais do amor...

Eu rio! É o silêncio, mas, por que tu não vieste?
A garra do cio e galos das noites nos compassos,
Bailarinas de urgentes trapézios, acrobatas néscios
Arriscam-se em respostas ao meu tédio... Parto!

ZéCorró


20 comentários:

Layara disse...

Ah! doce espera, em tantos pensamentos na Noite enfeitada pela Lua. Ah! doces cios maculando lençois alvos como o clarão dos sonhos lúcidos. Doce e amarga,as vezes é a espera.
Compasso de dança lenta, bailam loucas esperas.

Um Beijo Lilás em tuas Noites de espera.


(Valha-meDeus! que tu escreve é muito porreta!)

Grace Olsson disse...

Siba, preferi o silencio ao desgaste de gritqar sozinha...kkk
bjs e dias felizes
www.graceolsson.com/blog

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Grande Sibarita,

Pensa que esquecemos do dia de hoje, é? Hoje é dia de festa na casa do Zé Corró em Jauá. Três anos despejando todo o seu coração em palavras pra todo mundo ler, né brinquedo não, hein?! É só pra quem tem sangue nos olhos e que sabe valorizar os bons sentimentos. Ah homi, três anos transmitindo o bem sem olhar a quem. Três anos embelezando essa blogosfera com esse seu astral pra lá de bom. Três anos de muito axé. Você é aquele tipo de pessoa que conquista até inimigo, não tem como não abrir aquele sorriso das suas risadas que falam com nossa alma. A-D-O-R-A-M-O-S esse homem que se mostra pelas letras. A-D-O-R-A-M-O-S o poeta que sensibiliza os nossos dias. A-D-O-R-A-M-O-S fazer parte da sua vida, nem que seja pela blogosfera. A-D-O-R-A-M-O-S esse espaço que virou sua casa. Olhe, prestenção:

Carinho, Siba!
Admiração, Corró!
Respeito, Zé!

É bem isso que sentimos por esse trio do papoco.

E ó, vem dar aquele abraço em NÓIZ, chegue junto, ande...kkkkkkk


Sibarita, que Deus abençoe sua vida mais ainda. Você é um exemplo a ser seguido, um homem de luz.

PARABÉNS PARA SUAS BAIANIDADES E POEMAS ESCRITOS COM AMOR E ZELO!


Rebeca

-

Uma aprendiz disse...

Eita, tá de niver é???

Obaaaaaa!
Tem bolo?

Te adoro, viu? Adoro a pessoa sensível por tras dessas escritas que nos encantam.
Sou fã. Incentivadora. Admiradora. E, por quê não dizer, apaixonada por suas poesias.

Adoro seu blog.

VIVA, VIVA, VIVA.

PARABÉNS!

"Eu rio! É o silêncio, mas, por que tu não vieste?"

Ria mesmo, eu vimmmm, só para quebrar o silêncio. kkkkkkkkkkkk

Que muitos anos venham e milhares de textos continuem nos alegrando.


beijos, de sua amiga paulista

mundo azul disse...

_________________________________

Seus poemas são sempre muito bons!

Mas, esse em especial está maravilhoso... Muito bom, mesmo!


Beijos de luz e o meu carinho...


___________________________________

Helô Müller disse...

Ahh, essa Lua que nos encanta com seus mistérios e nos seduz com a sua luz ...
Belos versos prateados !
Um final de semana supimpa !!rs
Beijos
Helô Muller

Helô Müller disse...

E obrigada pelas visitas aos meus aposentos !!rs
Helô I, A Louca !! rs

A Senhora disse...

Ah, silêncio que nos faz sonhar, mas que muitas vezes nos prega no chão nos impedindo de ir atrás de nossos sonhos.

beijo grande

Pipinha disse...

Querido Sibarita,
Parabéns pelo aniversário do seu blog!
Espero que conte muitos e muitos mais, sempre divertindo e emocionando os seus leitores.
O silêncio por vezes é necessário... Para pensar, sonhar, reflectir, encontro connosco mesmos, ...
Um dia cheio de alegria e carinho.
E um excelente fim-de-semana!
Beijinhos.

Corações & Segredos disse...

Ô Môpai!!!!
rsssssss

Beijosssssssssssssssssss

Corações & Segredos disse...

Olhando os dias o meu coração estendido no varal do amor
Procura o sol do teu olhar enquanto versos surgem a esmo
Naquela aflição enorme, sem tamanho, sem direção e na flor
Do silêncio dessas noites me afogo no mar de mim mesmo...

Beijos

Claudinha ੴ disse...

Olá Sibarita! às vezeso silêncio é necessário para termos consciência de nossa existência, ou mesmo ouvir os passos de quem nunca vem... Gostei da poesia e do novo visual! Beijos!

Claudinha ੴ disse...

Voltei para dar os parabéns pelos três anos de blog! Vi a data no meu reader!
Beijos!Parabéns!

Maria disse...

Cumpadi de minha Amiga Soteropolitana!

Nem me fale da lua de Salvador... tô mesmo morrendo de saudade...
Nem me fale do mar frente à minha cama, que eu desmaio... kkkkkkkkkkkk
Pró ano, quem sabe?

Beijos, com sodades

Maria disse...

Ui... me desculpe, ZéCorró... lhe confundi com meu amigo Sibarita...

Beijo pra vosmecê também.

Uma aprendiz disse...

Eita, errei a data?

O niver é hoje?

11 de julho.
PARABÉNS.

Desculpe, Sibarita, mas Corró me confunde todinha. kkkkkkkkkkkkkk

beijos

Deusa Odoyá disse...

Olá meu lindo Siba!
No silêncio das palavras, deixadas em rastros de imagens, que nossa alma oculta um grande amor...
Só quem passa por isso, sabe compreender esse SILÊNCIO.
Meu anjo te adoro...
Uma semana abençoada para você e painho.
Muitos beijos de ternura em Zé Corró.
Fiquem na paz do mestre Jesus.

Regina Coeli.

paula barros disse...

Um silêncio que chama, em chama. Um silêncio de saudade e de desejos.
Um silêncio que tem alguém presente.

beijos

Deusa Odoyá disse...

Oi meu lindo neguinho!!!
È nesse silêncio que precisamos encontrar nossa alma.
Voltei a reler esse poema magnífico
Como tudo que vc. escreve.
Meu neguinho, muitas glórias e realizações para vc.
Muita saúde para painho.
E muitas comemorações em sua rádio supimpa.
te adoro...
Beijinhos doces.
Regina Coeli.