sexta-feira, maio 01, 2009

MAIO, PRIMEIRO!

O 84 e o 59!

À dona Dulce minha mãe
aniversariante também,
em memória.

Uma estrela brilha no céu, acende lua crescente,
É maio primeiro, dona Dulce, é nosso aniversário
Envio-te vibrações! Saudade imensa, permanente
Nas lágrimas caindo -uma a uma- no mar de Jauá!

Valha-me Deus! É rapidinho o 59, eu me renovo.
Bondade e lucidez intensa, absoluta. Ah, perduro
Neste maio primeiro em que dos tempos inovo
Assim, trajando o sol na construção do céu futuro...

Na densidade, o meu íntimo substrato é a claridade
Nutrida pela luz interior acesa ou no tudo habitado
Sempre se perfazendo resoluto no charme da idade
Do amor à vida, dos sonhos num céu azul, cifrado...

Signo de touro: desfilam fontes, jardins no meu olhar
Florescendo, regando o racional que a mente conduz
Nos afrescos românticos do tempo na tela do sonhar
Que se revigora num sol amaranto e aí a própria luz...

Jorrando em mim na silhueta curvada das estações
E nos passos aos passos espelho do meu pai eu sou
Na caridade, na bondade dos leves sinos do coração,
É, respiro grandeza desde menino por lei do Divino...

Assim, sigo a jornada dos meus cinqüenta e nove anos
Entoando o aleluia de mais um ano lúcido, sem medos
De viver a velhice. Eis o tempo correndo voraz e insano!
-A vida é o instante que escorre por entre nossos dedos...

Procuro arfando os velhos tempos nesse dia de aclamas,
Flutuo, crio a síntese futura dos sessenta sob céus azuis
Começa, agora, no sumo dos versos, da vida e da chama,
Aos amigos (as) se ontem sou, hoje serei, amanhã fui...

É que o crepúsculo espelha sol e lua nos francos
Portanto, o tempo voraz, segue, no seu tropel
Em marcha sem fim a rodar aprumos e prantos
Nas horas correndo. Ó diversão doida e cruel.

Deus! A fúria do jovem que já houve, não há mais,
A vida sucumbe nos segundos, passa, nada reverte.
A morte ao palor! O que ontem foi, hoje é jamais
Eu não me entrego, caio na gandaia, pinto o sete!

Comigo: meu pai, meus filhos, amigos (as) e meus irmãos
As moças, as sereias do mar, da terra e as sereias do céu.
Comigo: o mar de Juá, a lua e a musa em um só coração
Nas fragrâncias e desejos dos corpos largados ao léu...

Debruçado no azul observo o horizonte baço,
E de braços abertos recebo os abraços...

O Sibarita


23 comentários:

Maria disse...

Comentando sério, sem risada, adorei ler, Sibarita.
Um abraço especial, hoje!

E o meu beijo do costume...

Maria Clarinda disse...

Para béns, Muitos.Para tua Mãe onde ela estiver também!
(...) que o crepúsculo espelha sol e lua nos francos
Portanto, o tempo voraz, segue, no seu tropel
Em marcha sem fim a rodar aprumos e prantos
Nas horas correndo.

Jinhos

Peter Pan disse...

Amigo:
Neste belo texto de prosa/poética impõe uma presença fantástica e brilhante perante a condição humana.
Fala com talento e dignidade do amor, da velhice, do existir.
Fabuloso.
Parabéns, adorei.


Abraço amigo de imenso respeito e estima SEMPRE!
Com cordialidade gigante.

pena

OBRIGADO pela presença notável e extraordinária no meu blog.
Bem-Haja, amigo!
Um perfeito 1º de Maio. Merece completamente.

Uma aprendiz disse...

PARABÉNS!

F E L I C I D A D E S.

Você nasceu no dia típicamente baiano: DIA DO TRABALHO, mas é feriado. kkkkkkkkkkk

Espero que você tenha comemorado muitoooo esse dia. Hoje começa uma nova etapa de realizações e conquistas na sua vida, faça fé.

Sonhe!
Acredite nos seus sonhos e que Deus lhe conceda o desejo do nosso coração.

59 beijos de felicitações.

Pena disse...

Admirável Amigo Sibarita:
Para quê mais palavras: É genial, amigo e um chefe de família exemplar.
Assim, está bem.
Parabéns, pela extraordinária pessoa gigante que é e, que estimarei e respeitarei eternamente.
Abraço de Parabéns pelo seu belíssimo 1º De maio que se traduz num poema notável e fabuloso.

Maravilhado por ter lido o poeta de talento de sempre...
Com amizade...

pena

OBRIGADO por toda a sua simpatia nos meus blogs.
Bem-Haja, amigo!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Sibarita,

Com todo carinho e admiração, quero desejar um aniversário cheio de muita luz, paz, saúde e muito axé. Que esses 59 anos tenham sido bem vividos e que sua caminhada continue brilhando e sei que vai continuar. Pessoas como você, nasceram para encantar a vida daqueles que te rodeiam. Dessa vez não vou responder os seus comentários, não vou falar de nós[Jota Cê e eu], vou tentar colocar em palavras a energia que sinto que sai de ti. Homem bom, de uma alma porreta e um humor genial. Tem um jeito de ser leve, sabe amar uma mulher mesmo depois de tantos anos de casado e ainda namora o amor como tem que ser. E com isso, quem ganha é senhora Sibarita. Pessoa do bem, gente da boa, criatura que sabe fazer acontecer nas palavras que refletem seu espírito.

Parabéns não só pelo aniversário, mas pelo caráter e pela transparência de uma alma gigante.

Sibarita, você é luz!

Um grande abraço de quem tem o maior respeito por você.

Rebeca

-

Oliver Pickwick disse...

Dentro de mais uns cem anos, encontrará a dona Dulce. Sabe muito bem disso! E depois, cem anos lá por aquelas bandas passam num piscar. Também sabe disso. Portanto, a velhinha não vai nem se impacientar.
Uma bonita trajetória de vida, em versos. Discordo de alguns deles, a exemplo de "A fúria do jovem que já houve, não há mais". Tá se estranhando, meu rei?
Também sou de Touro. Teimoso, racional - mas romântico, pés excessivamente no chão, leal, objetivo, explosivo - às vezes, cartesiano e perseguidor incansável de objetivos. E você?
Desejo-lhe muitas felicidades.
Um abraço!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Aniversário, é?
No primeiro "kkkkkkkk" seu, a simpatia e a alegria tomaram conta, dessa nossa conexão, através de nossas respostas. Já é um amigo que admiro muito, de escrita fácil e talento que se faz visto. Você, véio, não tem como não dar boas risadas e aprender, no meio das brincadeiras, a experiência falando. Pode ter certeza que você já é de casa. Quanto ao que escreveu, é perfeito a gente poder se celebrar no dia em que nascemos e deixar esse momento registrado em palavras.

Parabéns todos os dias, Dom.

Taurino como eu... olhaí! hahahaha

Abração.

Jota Cê

-

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Sibarita, véio, sou ciumento e quando leio gracinha, como Rebeca mesma diz: não vai presta. Mas olha, poderia até deixar Rebeca dar o chega pra lá, mas ela tem macho, sabe!?! E comigo é assim, bem na sutileza dos punhos!

Ah! Dormir no relento é foda e tive essa experiência esses dias. Rebeca é fogo, viu? Tem conversa com ela não... e dá-lhe dormir no sofá. Né vida não, te digo isso!

Me diz uma coisa, que história é essa de negar fogo!?! Tá nesse nível já? Olha que eu ri nessa hora em que li, mas foi coisa pouca, sou solidário com os irmãos. Fico velho, mas o fogo vai tá lá durinho... manter aceso que vai ser difícil. hahahahhahahahaha

Quanto aos seus poemas, que a Negona não sabe, cuidado, hein, se ela descobrir fudeu-se-rá tudo. Tô te avisando. E nem me meto nisso. Fui perguntar pra minha Loira se ela deixaria escrever, nesse seu estilo, levei foi um sonoro: aham! hahahahahahahah

Já viu, né?

Então, Dom, chovo no molhado e no seco e nem desminto nada. Olha, fui perguntar se os blogs foram mais uma isca para a minha santa ingenuidade e a Loira teve a cara de pau de falar que foi sim. Estava mesmo era fudido. 50 anos é muita coisa, hein. Bom demais!

Vou te contar uma coisa, tenho sangue baiano, sim, mas só o sangue e a preguiça aguda... falei. hahahhahahahahah... Meu pai é de Vitória da Conquista!

Olhaí!

Abraços.

Jota Cê

-

mundo azul disse...

________________________________


P A R A B É N S ! ! !

Para você e para sua mãezinha, onde ela estiver... Que deve ser um lugar muito bom!

Muita luz, alegria, clareza e amor em todos os seus dias, amigo!

Lindo o seu poema!!!

Beijos no coração...

F E L I Z A N I V E R S Á R I O!

__________________________________

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Sibarita,

Fiquei emocionada com sua história e sua lição. Pena o número de caracteres ter sido pouco e cortou a mensagem. É, você é motivo de orgulho não só para os seus, mas para todos aqueles que se espelham na sua garra e determinação. Não deu outra, você não fez da sua vida um mar de lamentações. Correu para o abraço da vitória e com isso as honras e glórias até hoje estão sendo colhidas.

Você é um vencedor, Sibartita!

Beijo grande.

Rebeca

-

Menina do Rio disse...

Debruçada sobre o ecrã, leio-te, pois mesmo se tivesse uma rede, faltava o tempo...

Um beijo

Lú disse...

Oie lindo, parabéns e que Deus ilumine seus caminhos. Entre a lágrima de saudade e o sorriso de felicidade, existe uma pessoa linda e maravilhosa que é você! Aproveite a vida e tudo de maravilhoso que ela oferece!
Beijos cheios de carinho.

Alice Matos disse...

Oi, Sibarita...

Parabéns para ti e para tua mãe... onde quer que se encontre...

"...Entoando o aleluia de mais um ano lúcido, sem medos
De viver a velhice..."

Beijo para ti...

Avassaladora disse...

"De viver a velhice. Eis o tempo correndo voraz e insano!
-A vida é o instante que escorre por entre nossos dedos..."

Meu rei!
Atrasadinha... Mas com um abraço tipo assim aqueles de tamanduá...
OLha que se te garrar não solto!rsrsrs
Felicidades meu tourino louco!

Creio que hoje conheço mais de ti!

Quanto ao feitiço...rsrsrs

E quem não quer um doce feitiço de amor?


Beijos avassaladores!

Simples Assim... disse...

"-A vida é o instante que escorre por entre nossos dedos..."

É, querido, a vida sempre escorre pelos nossos dedos. Eu espero que daqui há uns anos eu tenha a serenidade de não tentar fechar a mão e segurá-la, mas que apenas deixe que ela escorra macia fazendo cócegas por entre meus dedos. Ainda tenho a arrogância de querer domar o tempo, nem que seja na unha. Mas pelo menos já me dei conta do quão besta é essa mania, já é um primeiro passo, né? rs

Quanto a vc, tenho que dizer que é uma daquelas pessoas que me dão vontade de dar de presente um pouco mais de tempo. Não de um tempo que já passou, mas de um pouco mais do hoje, pra ser sorvido e degustado com a mesma voracidade com que foi vivido o ontem. Sabe o que é? Penso que há pessoas nesse mundo que não sabem nem o que fazer com o tempo que lhes foi dado de presente, quanto mais com um tempinho de bônus. Merecem não... rs. Vc me parece exatamente o oposto disso. Por isso, se pudesse te daria de presente mais tempo. Olha só eu brincando de senhora do destino... rs... rs.

Falando sério, acho que a vida nos é dada na medida certa, nem mais, nem menos. Quem às vezes passa da medida somos nós, seres que pensam que sabem das coisas.

E que venham mais 60 maios !!!!

Simples Assim... disse...

Corrigindo: daqui a (terceira linha)... Será que foi ato falho? rs... rs

A Senhora disse...

Atrasadézima! Mas nunca atrasada para lhe dar um abraço e um beijo.

Que este ano seja de descobertas deliciosamente desconcertantes, palavras que não voltem vazias, amor reconquistado dia-a-dia.

Felicidades, querido!

Desnuda disse...

Amigo Sibarita,

felicidades tantas para voce!Em pensamento elevo energias de ternura e carinho para dona Dulce que por certo a receberá. Também para voce este mesmo abraço repleto de ternura com os melhores desejos de bons, proveitosos e saudáveis anos. Ambos de parabéns! E todos nós em clima de festa, comungando deste dia especial! Ipi Ipi Urrra!!!!

Bandys disse...

D E S C U P A S!
Ô fio fica brAVO não...Tava viajando e la é puxado tu bem sabe ne?

Mas quer dizer que fez aniversario e nem me chamou pra festa?? Valhi-me meu Jesuis to sendo preterida éeeeeee??

Que Dona Dulce receba todo carinho enviados em preces!

Siga na paz e no caminho do amor meninu, tu tem muito que fazer ainda

Beijos e um abraço bem apertadinho!

Deusa Odoyá disse...

Olá meu lindo amigo!!!
Gostaria muito de estar ao seu lado , mas sabes que mesmo de longe lhe desejo tudo de bom e paz.
Que D. Dulce de sua morada lhe mande muita paz, luz e forças, para vc. e painho.
Siba,não esqueci seu anversário, pois estou viajando como sabes, e ficou dificil manter contato.
Mas pedi muito a mestre Jesus que lhe dê muita paz, saúde, fé e luz.
pois para mim és um amigo sempre pronto me ajudar.
Fico feliz por ter sua amizade e força.
Parabéns com muita luz, paz, amor e fé.
Que Deus abençõe vc. e painho.
Mil beijos de saudades, meu querido amigo.
Regina Coeli.

paula barros disse...

Parabéns, bem atrasadinha. Com muito carinho. Um jovem de corpo, alma, mente.

abraços carinhosos

bat_trash disse...

Grande Dona Dulce...ela fez umbom trabalho!
conhece-se uma árvore pelo seu fruto!

Beijão.