quarta-feira, novembro 28, 2007

LAÇOS

Laços

No anseio do amor guardo os teus beijos intensos
Sob aquela lua entre nós esparramada nos lençóis,
Enquanto, cravavas no meu peito a paixão ardente
Na razão que cobria a nudez de todos os teus sóis.

Sei... Seria eu cego aos ventos da sanha que te devora.
Acesos desejos galopando nos céus irados do vendaval
Que te possui e sufoca o teu coração na vaga luz de fora,
Vagante ao teu lado em horas dentro na paixão visceral.

Contudo, a lua mansa reina na tua essência de menina.
Sinto, então, o teu seio pulsando no meu chão de versos
Explodindo amor, amor e amor no luar das tuas retinas
Alumiando celestialmente a esquina dos meus desertos.

Meu bem, por ti me vejo e, assim, aos teus olhos profanos
O fogo do coração nas lágrimas vertidas, o tempo se refaz
No universo. E eu na corrente do rio sempre vou ao oceano,
Perto ou longe qualquer coisa me afoga entre soluços e ais.

Nas rotas de fugas, sou abrigo. É necessário tão somente voar
Como um pássaro de pluma ao coração que bate no meu peito
E sem malas ou agendas, para lá ou para cá é preciso só amar
No frio da madrugada quando eu cair, enfim, ao teu (de) leito.

Mas, que dor oculta te oprime o coração? No suspiro, dizes tu!
Se te perco ou se te guardo no pranto dos teus olhos perdidos
Nada perdes! O amor aprisionado nas chamas navega no azul,
Exaltando cobiças, sou um oceano de gelo em fogo convertido.

Assim, o teu olhar rasgado palpita e me consome no teu fogo.
Teu corpo como plumas acaricia o meu corpo, a flama ressoa
Na avidez da tua boca sedenta nos delíquios de todos os rogos,
É, uma lua em gozos sobre nossos corpos estremece, sobrevoa...

O Sibarita

10 comentários:

Leticia Gabian disse...

Ah, cumpadi.... Os laços que nos unem à pessoa amada...!
Laços carnais, laços espirituais... Traços do destino...
Caminhos do desejo.


Beijão

Olhos de mel disse...

Aff, conterrâneo! Que poesia, viu? Linda, romântica, sensual por demais! Que dizer mais depois de ler? Viva meu amigo! Viaje nessa loucura! Isso é vida!...
Beijos

Maria disse...

"sou um oceano de gelo em fogo convertido"
Aaaaaah, Sibarita, que frase mais bonita (que até faz poema...)
Lindo e forte o amor, assim, de verdade, inteiro!

Beijos
(e obrigada pelas palavras deixadas lá....)

SILÊNCIO CULPADO disse...

Viver a paixão é dar ao nosso percurso a cor e o impulso.
Que importa que a paixão venha a morrer depois de a ver nascer?
E de alimentá-la com o melhor do ser?

Sol da meia noite disse...

Paixão, da primeira à última palavra...

Beijinhos

http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt disse...

um lindo poema recheado de amor,paixao e encantos :) amei
+______088880____0____0____088880
+____088888880___00__00___088888880
+___088888888880__0__0__088888888880
+___088888888880___00___088888888880
+____088888888880______088888888880
+____0888888888880_00_0888888888880
+_______0888888880_00_0888888880
+______08888888880_00_08888888880
+____0888888888880_00_0888888888880
+___08888888888880_00_08888888888880
+____0888888888880_00_0888888888880
+______08888888880____08888888880
+________08888880______08888880
+__________0880__________0880
+___________00____________00

*´¨)
¸.*´¸.*´¨)¸.*¨)
(¸.*´ (¸.*` * Beijos...
carla granja
bom fim de semana

Alice Matos disse...

Passei para te ler e encontrei...

... mais um belo poema...

Beijos grandes, amigo...

Oliver Pickwick disse...

Oxente, Sibarita! A negona rastafari apagou o comentário que deixei aqui por volta das 19:00 de hoje, 30.11.07? Se oriente, rapaz! Essas mulheres, dona Valda, dona Tidinha, estão atrapalhando a sua vida. Vou me queixar ao Valela... raios! raios duplos!... Varela!
Escrevi mesmo um comentário na hora mencionada. Abraços.

Bruxinhachellot disse...

É necessário voar e se deliciar com palavras prenhas de sentimentos e suspiros de amor e doçura.

Beijos brancos.

André Coelho disse...

Olá! Como posso lhe chamar? Confesso que fiquei muito surpreso com o seu comentário, mas sinceramente, gostei muito, pois há tempos gostaria de lhe conhecer, tinha vergonha de me aproximar de ti, pois você já conversava com Nara e não queria que ela e você achassem que eu estava com ciúmes(sei que é besteira rs). Li alguns dos seus textos e percebi a sua sensibilidade e criatividade. Até nos comentários no blog dela eu admirava suas palavras que me transmitiam paz e sabedoria.
Você deve ter acompanhado o fim do "nosso" relacionanemto. Apesar de não lhe conhecer direito, sinto que posso comentar contigo, pois sei que é um homem de bem.
O término do namoro me abalou profundamente, pois, não esperava uma atitude tão extremista dela. Ela ainda é a mulher da minha vida, eu cansei de falar para ela isso. Comenti alguns erros, coisas que ela não gostava, mas que por imaturidade minha também, não pude mostrar a ela que eu queria mudar e que hoje eu tô muito mudado! Dediquei quase 10 meses da minha vida a ela, com muito prazer, pois eu queria vê-la muito feliz e quando via o sorriso dela, isso me deixava vivo!
Eu nunca tinha levado alguém tão a sério amigo. Ela conseguiu me transformar, deixar que meus sentimentos ficassem visíveis a todos e a tudo, o sentimento do amor verdadeiro, que mesmo havendo falhas, sempre esteve comigo!
Eu tenho frequentado muito o Centro Espírita nesses tempos, participando de reuniões, ouvindo conselhos dos irmãos espirituais que estão me orientando com meu anjo da guarda. Consegui um trabalho que está me deixando mais ocupado e me ajudando a tirar a tristeza que ainda toma conta de mim, mas que já está sumindo. Até psiquiatra eu freqüentei, resumindo: ressurgir da lama!

Sabe qual é o meu maior sonho? É poder dar um abraço nela e dizer que a amo de qualquer jeito, mas o gênio dela ou medo de me ouvir não a deixa enxergar a verdade, pois , todos nós erramos, eu e ela inclusive...

No mais, desculpa meu desabafo, mas sabendo que eu estou sendo ouvido por uma pessoa de luz!
Espero que possamos manter mais contatos e fique sempre à vontade pra comentar algo que eu escreva ou me dizer algo ok?

Um grande abraço com agradecimento.
André.