sábado, março 21, 2009

MURMURANDO

MURMURANDO

O meu lado vagueia
É gaivota voando além...
Asas ruflam,
- Onde pousas? -
Favos de desejos,
Nessa noite de réstia...
Roubo o teu olhar
Dessa lua cheia
Refletindo do teu espelho
E afogo o meu peito
Nesse mar de ensejos!
Como um fio
Que tece caminhos
Entrelaço-me com a lua
Viro facho de luz
E alumio a tua rua
Dos teus azuis...

O Sibarita

Sibarita Web Rádio. Se ligue, se entregue de corpo e alma!

25 comentários:

Uma aprendiz disse...

Oi, Sibarita

que bom que estou em uma lan, assim posso comentar sua poesia no exato momento em que postou kkkkkkkk

Linda, como sempre.
Continuo sua fã. Epa, e continuo sem net kkkkkkkkkkkkkkkkkkk


um lindo final de semana
e uma ótima semana

beijo, de sua amiga paulista

Mary disse...

MEU QUERIDO!!!

QUE DELICADEZA DE PALAVRAS, SUTÍS, DOCES, AVELUDADAS. POESIA PURA. AMEI,COMO TUDO QUE VOCÊ ESCREVE, MAS ESTA ESTÁ PARTICULARMENTE SUAVE. É COMO O AMENHECER DE UM DIA DE OUTONO, QUE AOS POUCOS DESCORTINA A LUMINOSIDADE DOS RAIOS DE SOL E AQUECE A TERRA.
OBRIGADA POR MAIS ESSA "LUZ".
BEIJO GAUDÉRIO NO TEU CORAÇÃO,DESTA GURIA, QUE COMO SABES, TE ADMIRA

Olhos de Mel disse...

Oie lindo, quanta doçura em seu poema! Que esses caminhos em algum ponto se toquem e essa luz possa, finalmente, iluminar os olhos dos dois!
Bom domingo! Beijos

Oliver Pickwick disse...

Voar é com os pássaros, Ícaro, Dumont e poetas com espírito de gaivotas, que dão voos rasantes em forma de versos.
Um abraço!

Maria disse...

Lindíssimo, meu amigo!

Beijos do lado de cá

paula barros disse...

Fio, um poema belo e doce.

Asas ruflam. Que chique. As minhas batem destrambelhadas, principalmente quando venho aqui. rsrsr

Não tenho dúvidas que você voa e faz voa. Que seu canto é um encanto. E que ilumina o até a lua que agora reflete o seu olhar.

abraços com carinho

bat_trash disse...

...e eu voei junto com minhas asinhas de morcega...:)
Beijos.

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Eu também me pergunto isso até agora. Como que ela pode me deixar sozinho nessa selva, sabendo que sou um perigo? Olha, só ela mesmo pra te responder. No mais, com a sua negona do lado, sem arredar o pé de perto deve ser sufocante, digo, deve ser bom demais.

Olha, ela pode machucar e maltratar, mas quem disse que eu não arranco os cabelos dela de vez em quando, hein? Sem falar nos tapas que distribuo, porque comigo é no pulso firme!

Comédia você!

Virar a luz perfeita, para alumiar os azuis de um certo alguém é entender de cor e saber que tem a luz certa.

Ah, não sou nordestino, mas com Rebeca tô me tornando um a cada dia!

Até mais.

Jota Cê

-

mundo azul disse...

________________________________

"roubo o teu olhar desta lua cheia..."

Que bonito o seu poema!!! Bonito, mesmo!

Vir até aqui é nunca perder a viagem...


Beijos de luz e um dia FELIZ!!!

__________________________________

Corações & Segredos disse...

Entrelaço-me com a lua
Viro facho de luz
E alumio a tua rua
Dos teus azuis...

Beijos de saudades

happiness...moreorless disse...

Ternurento =)

Avassaladora disse...

Fio, favos de desejos...
Hummmm dá vontade de chupar...
Nada melhor que favor de mel!
Imagina favos de desejos!!!
Loucura!!!

Meu Rei, que delicia receber vc!
Tuas visitas é que colorem meu cantinho!
As cores do arco-iris acompanham vc!


Um chero no cangonte...rs

MENSAGENS AO VENTO disse...

_________________________________

Meu amigo, a rosa é só a entrada...Clique sobre ela e abre o PPs!


__________________________________

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Sibarita, falou e disse!!!

Jota Cê aprende todos os dias a esquentar o couro da mulher nordestina. Não sei por quê, mas todo mundo diz que mulher nordestina é só o mí disbuiado...kkkkkkk

Aiai... seus comentários são contagiantes e você sabe transmitir uma energia tão gostosa, que não tem como não entrar nesse seu astral maravilhosa.

Muito axé, Sibarita.

=]

Rebeca

-

Menina do Rio disse...

Venho apenas deixar-te um murmúrio e dizer-te que estou de quarentana, afinal foi-se o carnaval e estamos na quaresma! hahahahahahahaha....

Esperando a rede, dois coqueiros e um baiano com ginga pra me servir água de coco na boquinha...

beijos meu Rei!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Não sei se vc curte selos, mas tem um lá no Néctar pra vc, baiano arretado.

=]

Rebeca


-

Bandys disse...

Siba querido,
azuis é...????? Que isso moço??

Dessa lua cheia/Refletindo do teu espelho/E afogo o meu peito
Nesse mar de ensejos!
Como um fio/Que tece caminhos
Entrelaço-me com a lua/Viro facho de luz/ alumio a tua rua
Dos teus azuis...

Eita que danado,
Deixo um grande beijo e aproveito pra dizer que estou sem pc pelo mneios dois dias.
Po isso estou nas correrias mas eu volto pra te ler de novo. E da proxima com calma , igual baiano.kkkkk
beijos

Avassaladora disse...

Ah, teu carinho...

Fio, vc tens o dom de encantar!

Cuidado! rsrsrs


Beijo avassalador pra ti!

A Senhora disse...

Delícia caminhar nos seus versos e sentir nas suas palavras coisas que podem ser de qualquer coração.

Beijos, meu querido...

ลndreia disse...

Olhos azuis são uma perdição... *

Sandokan disse...

Certamente que o caminho para a felicidade não é fácil de encontrar. Porém, há uma frase célebre de Aristóteles com a qual eu concordo plenamente: "A felicidade é feita por nós próprios". Assim, se desejamos encontrar a felicidade, nós é que temos de construí-la, tentando criar um mundo (interior e exterior) que nos satisfaça mais verdadeiramente. É importante estarmos em harmonia connosco próprios, fazermos aquilo que gostamos, que realmente nos faz sentirmo-nos bem (como por exemplo: ouvir música, ler ou apenas relaxar), nem que seja, apenas, uma hora por dia, bem como estarmos rodeados de pessoas que nos confortam, que nos dão carinho e uma palavra amiga e tentarmos, ao máximo, fugir de ambientes que nos deprimem e nos stressam. Mas, não podemos estar passivamente à espera que a felicidade venha até nós ou que alguém a traga simplesmente. A receita para a felicidade é simples, nós é que a complicamos... É importante lutarmos pela nossa felicidade, mas, igualmente, pela dos outros, uma vez que da deles depende a nossa. Por isso, se não custa, assim, tanto ser felizes do que é que estamos à espera?! É que a vida é demasiado curta para sermos preguiçosos...

Pena disse...

Oh, Talentoso e Genial Poeta Amigo:
Em tudo o que concebe prima pela pureza e beleza do seu harmonioso Ser e Estar.
Fabuloso, numa fantástica e admirável pessoa gigante.
Parabéns sinceros e sentidos.
Sempre a admirar o seu talento poético gigantesco.

Abraço cordial de pasmo pela sua pureza, estima, respeito e imensa agradabilidade que maravilha e deslumbra pelo que "faz"...

pena

Bem-Haja, amigo inconfundível.

Olhos de mel disse...

Oie lindinho, eu aqui novamente, apreciando seus doces versos...
Beijos

Desnuda disse...

Ah...Este é pura ternura...Que lindo!


Beijos

Deusa Odoyá disse...

Olá meu doce Siba!.
Seu poema, além de suave e puro, dá para ver como és feliz e realizado.
Parabéns, meu lindo por essa sua iluminação.
Beijinhos de saudades de um grande anjo em minha vida.
Uma semana abençoada por mestre Jesus.
Saúde e paz a painho.

Fiquem na paz.
Regina Coeli.