quarta-feira, agosto 08, 2012

Ô CAETANO, É SEU ANIVERSÁRIO!

FELIZ ANIVERSÁRIO!

Alô Caetano! Óia lá eu escrevendo para você de novo, novamente. Demorei né? Tava com saudades foi? –Saudades? Cara pálida feche sua cara, qual é a sua tribo? Aliás, é aquele escrevedor de meia tigela, o meia boca? –Sim, sou eu mesmo minha corrente! Tá todo sorridente agora, né não? Poxa, de hoje que quero escrever prá ocê, sabe, aquela preguiça retada aí deixei para o dia do seu aniversário. –Larga o meu pé crocodilo! -Ô Cae, sou seu fã, tenha dó, alivie... vim parabeniza-lo por você chegar aos setenta, brilhante, lúcido e acima de tudo um baiano porreta! -??!! -Xiiiii... puxei seu saco, foi? Aproveito para colocar em dias nossos velhos papos, oi que bom!(kkk) –Sei não, você parece que dá revertério... –Revertério o que? Tá me estranhando Caetano? –Qual é o seu caso afinal? – E lá eu tem caso? Tenho não, viu? –Problema seu! –Seu Cae, quem tem caso são as meninas do 63, do Julião, da Montanha, da Misericórdia, né não?(kkk) –E eu com isso? É com você e suas negas se caso tiver!(rsrs) –Você ri, né mizera? Quer ver a minha caveira, hein? –Não falo sobre brega não! –Rapazz... que omi é esse? Me entregando Cae, ôxen... –Ô meia boca, sarte, viu! –Òipraisso,òi!(kkk) -??? –Oxente! Você é fina estampa e superbacana e no Porto da Barra então... mas, a melhor coisa do mundo nos tempos idos, na juventude era molhar o pavio no brega, ô coisa boa!(kkk) -Meu camarada, se for para ficar nessa conversinha prá boi dormir, melhor encerrar! –Cae, eu aprendi foi coisa no brega, tenho até diploma que as donas moças me deram, maravilha... (kkk) –Grande coisa esse seu diploma! (rsrs) Se você em vez de ter diploma do brega tivesse de uma universidade não seria escrevedor meia boca, é ou não é? –Zorra! Ai me lenhou foi todo... –Pois é! (rsrs) –Rebocado, eu sou cronista do cotidiano! –Cronista? De que mesmo? –Do cotidiano, visse!(kkk) –Ô cara pálida, você está broco? –Ah meu nego, agora, foi que deu... É que leio todos os domingos suas crônicas no Jornal A Tarde ai aprendi, virei cronista também, seu colega, legal, né?(kkk) –#&*#& -Retou! –Melhor não responder! –Tô até escrevendo rebuscado, repare... –Só rindo, você é cheio de nove horas! –Sou enrolado não Cae! –Né não, né? Tá certo também!(rsrs) –Caetano, o que estou achando porreta é que nosso papo tá fluindo em baianês pensei que tinha esquecido!(kkk) –Mano, sou baiano da gema, show de bola! –Sei... é que as vezes você mistura paulistês com carioquês, aiaiaia...(kkk) –Aeeeh? –Cae, é vc mesmo ou o Datena? (kkk) –Tu está todo errado! –Cruz Credo! Oi fale como quiser e Ivete Sangalo como Maria Machadão? –Está ótima, ótima mesmo, sou fã! –É? E, o que acha dela ter tomado curso de baianês para o papel? –O que? Não acredito! Ela não é nossa conterrânea? –Sim, é! Mas, perdeu o ranço, o jeito baiana de ser! O pessoal da Globo achou que ela tava fora de ordem no baianês, ai mandou reciclar! Ômodeudocéu!(kkk) –Como é que pode? Só me faltava essa! –É né? Vai ver que a Ivete é baiana desbotada, cuidado você, viu? –Êêeu? –Sim, você mesmo! –Mano, que língua ferina é essa?! –É? Óia, a Globo quer ensinar o baianês para baiano, como você sempre está na Globo, daí... Crendeuspai!(kkk) –Seu Sibarita, deixe de conversa atravessada, não estou afim não! –Tá não! Hummm... O Cae, ficou preocupado, foi? Vou abrir o gás também, fuiii... kkkk

-Caetano, eu daqui de Jauá vendo a lua inteira no Céu de Santo Amaro iluminando o universo de todos nós e orando ao tempo para não dar bandeira.(kkk) Você precisa saber do Rio Subaé que virou piscina, então, vamos organizar o movimento e transforma-lo na água azul de Amaralina. E aí?
-
-Se picou, nem deu trela... (kkk)

Parabéns pelos seus setenta anos bem vividos e que a força dos Orixás continuem lhes dando a paz e a lucidez na sua caminhada!

O Sibarita

BAIANÊS EMPREGADO:

Óia – Olha.
Cara pálida feche sua cara, qual é a sua tribo? – Estranho, não tenho intimidade, de onde veio?
Escrevedor de meia tigela, o meia boca – Escritor fraco, tirado a escritor, sem inspiração.
Minha corrente – Meu amigo.
Prá ocê – Para você.
Larga o meu pé crocodilo – Me deixe seu falso.
Tenha dó – Tenha pena.
Porreta – Legal.
Revertério – A pessoa que é de um sexo e depois muda, assume, vira gay.
Tá me estranhando? – Está me desconhecendo?
Qual é o seu caso? – Qual é o seu problema, na Bahia quem tem caso é mulher.
As meninas – Mulheres do sexo.
63, Julião, Montanha, Misericórdia – Baixo Meretrício.
Suas negas – Suas mulheres.
Quer ver a minha caveira, hein? – Quer ver minha desgraça.
Brega – Meretrício.
Rapazz... que omi é esse? – Moço, que homem é esse?
Sarte – Saia.
Òipraisso, òi – Olhe para isso, olhe.
Ôxen – Como?
Molhar o pavio no brega – Fazer sexo no meretrício.
Conversinha prá boi dormir – Conversa chata, inadequada, conversa enrolada.
Zorra – Perplexo, perplexidade.
Lenhou foi todo – Acabou com tudo.
Rebocado – Afirmativo.
Visse – Veja.
Broco – Velho.
Lenhar – Acabar.
Ah meu nego, agora, foi que deu – Ah meu amigo, agora, lenhou, acabou tudo.
Retou – Zangou.
Cheio de nove horas – Cheio de enrolação.
Nosso papo – Nossa Conversa.
Ômodeudocéu – Ô meu Deus do Céu.
Baiana desbotada – Baiana não assumida baiana.
Crendeuspai – Creio em Deus Pai.
Conversa atravessada – Conversa enrolada, conversa sem crédito.
Abrir o gás – Escapar, sair pela tangente, ir embora.
Se picou, nem deu trela... - Foi embora, nem deu resposta.

6 comentários:

Bandys disse...

Siba, Siba, Caê já deixou de ser baiano faz tempo. Depois que vei pro Rio, conheceu as cariocas e os cariocos, ja era fio!!!

Essa por exemplo ele fez pra mim,
VOCÊ É LINDA DE CAETANO VELOSO AO VIVO...VOCÊ É LINDA E SABE VIVER.VOCÊ ME FAZ FELIZ.ESSA CANÇÃO É SO PARA DIZER E DIZ:VOCÊ É LINDA MAIS QUE DEMAIS.VOCÊ É LINDA SIM.ONDA DO MAR,DO AMOR QUE BATEU EM MIM.GOSTO DE VER VOCÊ NO SEU RITMO.DONA DO CARNAVAL.VOCÊ É FORTE.LETRAS E MUSICAS.
Hahaha, mas não pode falar não que da um rolo danado.

70 anos éee??? O tempo passa pra todos ne?
Tomara que ele ainda tenha muito tempo pra compor, pois se for deixar pras mulheres frutas "tamos ferrado".

Bom vou ficando por aqui, pois nem bolo tem...

Um beijo daqui praí.

Bandys disse...

Eita sintonia, eu aqui e tu la.
kkkkkkk, Viu se fosse pra combinar não saia tão certinho.

Querido eu não preciso pegar porque eu já tenho, hãnhãn, só estou pensando qual postar. Até tu esqueceu

Se você quiser eu te mando antes, pra vc olhar...
Me fale.

Beijos

Uma aprendiz disse...

Oi, Siba

eu vi ontem na Globo que o niver dele é 7 de agosto. Setentão.
Nós que estamos neste caminho que Deus nos permita chegar lá.

Muito bem lembrado seu texto, pena ele não ler.

Mas me diga uma coisa, quer dizer que não preciso ir à Salvador pra aprender baianês? Basta assistir a Globo, é?

Eles sabem mais que vocês?

Ai meu pai.

beijos

Paula Barros disse...

Um linda e desocontraída homenagem. beijo

Olhos de mel disse...

Siba seu menino, adorei e homenagem, viu fio? Com certeza ri muito enquanto lia, imaginando a cena desse diálogo pessoalmente.
Sabe Siba, tenho saudade daquele tempo do começo da carreira em Sto. Amaro. Adoro Caetano e as musicas dele. Céu de Santo Amaro é linda demais. Tenho uma sobrinha que colocou essa musica na entrada dela, no casamento e foi a coisa mais linda. Todo mundo se emocionou.
Bom fim de semana! Beijos

Vanuza Pantaleão disse...

Setenta anos de Mano Caetano, e tão jovem ainda está. Deve ser a força da dona Canô e a fé nos Orixás. Ele diz que é ateu. Hummmm, caio nessa não! Baiano ateu, cê acredita nessa, Siba?
Caminhando contra o vento
Sem lenço
Sem documento...
Fui, Siba!!!!