quarta-feira, outubro 16, 2013

CHARADA

Charada
 
 Que o amor à forma fecunde os momentos,
A promessa enfeita, rejeita o céu amoroso.
Nesse vago, presente e futuro viram templo,
Ao coração, a vida cinde o ar seco e poroso...

Nada se explica aos versos polidos no vazio,
Soltos, suspensos em réstia de tempestade
Naquelas enormes nuvens sob um céu frio
Congelando a nossa essência na intensidade...

Assim, corta a razão, a volúpia esvai pelo viés,
E por ti, os versos se perdoam, beijam o chão
Dos teus pés louvando! Tu que me és e não és
Charada galopada no tédio, paraíso e solidão...

Se é assim que és: nas igrejas e terreiros da Bahia
De joelhos: acendo as velas, oro a Orixás e Santos.
Ao teu amor fecundo, a candeia, é chama tão fria
Para os acesos desejos dos nossos entre tantos...

Mas, no delírio, saborear o mel do rosa da tua boca
E por entre sede, trovoadas e punhais das antíteses
Ser a cobiça dos teus lábios carmim na agonia louca
Do faz de contas das delicias e viajar na maionese...

Na tua penteadeira:
Espelhos temporais,
flores debruadas
em jarros chineses
do Paraguai!
Na tua cama:
nenhum eco
dos nossos uis e ais...

O Sibarita



11 comentários:

Sherazade disse...

Poxa Siba, pior que é assim mesmo. A vida e seus caminhos e descaminhos. Quereres sonhados não vividos e vivências inexpressivas. Sonhos apunhalados.
Mas seu poema é lindo e de fato uma charada a se pensar.
Beijos

Olhos de mel disse...

Siba;

Ecos que apenas, e que muitas vezes, ficam na vontade e no desejo. Noites de delírios silenciadas, sem nenhum beijo.

Mas, na penteadeira por onde se debruçam loucuras silenciadas, visualizam-se também, no espelho, carícias sufocadas...

Muito lindo!Porém, com um tom desesperançoso.
Beijos

mARa disse...

Aimôpai, éeeee......

Oxê quando eu crescer quero escrever assim, deliciosamente...

Querido gostei imenso li e reli, charada? é não, isso é Poesia carregada de paixão, que dói.

...é chama tão fria
Para os acesos desejos dos nossos entre tantos...

antítese, fria chama acesa, só pode mesmo despertar o desejo.

Gostei do vaso chinês, esse mimo poético parnasiano, descreve a perfeição do artista, ou a beleza romântica da vida e o olhar do Poeta. Porém me rendo em rendas sobre teus versos de pura magia, embora charada, e tudo fica claro ou não...

aimôpai, vamos de prosa.

Bjão

Claudinha ੴ disse...

Os versos não estarão soltos Siba! Estarão todos arrumados em cima da penteadeira, pertinho daquele perfume inebriante. A imagem refletida no espelho será a saudade. Embora na cama não se escute mais os ais, pela imagem, ela se lembrará...
Belo poema! Bjs

Príncipe Tito disse...

OBRIGADO PELA VISITA E COMENTARIOS...

Bandys disse...

Muito bom, nem sempre tem os uis e ais, mais tem outras coisas.

Como sempre continua porreta.

É meu rei, ja que não tem uis é melhor ver a lua ne?? kkkkkkkkkkkk

Beijos

São disse...

Quando os versos se perdoam... tudo é possível.


Meu amigo, que tenha bom final de semana

Desnuda disse...

É charada, ôxe! E o que não é de complicar quando o que é é sentir?

Está aceso o santuário do coração. A cama, ainda, para ser materializada e ajeitada no lugar certo para receber os uis e ais dos corações . ... Há que ter jeito e tempo... O gosto já se prova, em versos e ecos.


Beijos querido Siba

Uma aprendiz disse...

Oi, Siba

Pelo visto ela leu seu chamamento e acabou com sua querência. kkkkk

Se deliciou no mel dos lábios de sua amada, foi? Espero que tenha sido no real kkkkkkkkkkkkkk

Eita, homi retado sô.

beijos

Minha vida de campo disse...

Uau! Adorei, esse último verso está magnânimo. Um dia serei mais romântica e ardente de paixão. hahahhah Pareço a poesia de Cecilia "Não sinto dor nem afeto passo dia e noite..."
Tenha um ótimo dia e parabéns pela belíssima obra.

Kátia disse...

Esse menino e essa 'quentura' toda?
Adorei: "Na tua cama:nenhum eco
dos nossos uis e ais..."
Arrepiou viu?kkkkkkkkkkkk
Eu leio e releio em voz alta seus textos sabia disso?apois...além de bem escrito,gosto do som das palavras,ainda mais aquelas bem "azeitadas".

Um beijo meu!E um cheirooooooo!
P.S:Sorria,eu estou feliz porque estou na Bahia!!!!