quarta-feira, maio 02, 2012

PRIMEIRO, MAIO.

Primeiro, Maio

À Dona Dulce, (Em memória) é nosso aniversário!

À minha mãe que chegaria aos oitenta e sete neste primeiro
Envio-te vibrações por aquelas estrelas que brilham no céu.
Ao espírito de luz que em ti contém: O meu amor verdadeiro
Em lágrimas de saudade caindo -uma a uma- no mar de Jauá...

Ao meu pai o Sr. Anísio que este ano não está entre nós
Celebrando. Lembra-se? Envio-te orações daqui de Jauá
E sigo o teu sol, princípio do bem. Ainda, ouço a tua voz,
Saudoso, lembro teu riso. Aqui agora, gotas no meu olhar...

Ó Deus! É meu aniversário, rapidinho, eu me renovo.
Bondade e lucidez, fé intensa, absoluta. Ah, perdura
O mês de Maria e de alegria em que do tempo inovo
Nos amanheceres dos aniversários da velhice futura...

Faço aqui as minhas vontades deste maio, primeiro!
É sim, encontro-me em pleno vigor físico e intelectual,
Meu Deus, obrigado! Nesses anos de tantos janeiros
Continuo o mesmo homem simples, vulgar e especial...

Na densidade, o meu íntimo substrato é a claridade
Nutrida pela luz interior acesa ou no tudo habitado
Sempre se perfazendo resoluto no charme da idade
Do amor à vida, dos sonhos num céu azul, cifrado...

Signo de touro: desfilam fontes, jardins no meu olhar
Florescendo, regando o racional que a mente conduz
Nos afrescos românticos do tempo na tela do sonhar
Que se revigora num sol amaranto e aí a própria luz...

Jorrando, adentrando na silhueta curvada das estações
Ao tempo da idade, então, crê e acreditar a vida ensina.
A fé, a caridade, a bondade e o perdão, sinos do coração,
Respiro, assim, a Doutrina Espírita por inspiração Divina...

Procuro arfando os velhos tempos nesse dia de aclamas,
Conviver, criar a síntese futura dos sessenta sob os céus.
É começar, agora, no sumo dos versos, da vida, da chama,
O viver na inflexão das auroras e crepúsculos sem véus...

Auroras/crepúsculos espelham sol e lua nos francos
Com o tempo correndo voraz, seguindo no seu tropel
Nesse gira mundo sem fim a verter aprumos e prantos,
Espectro da vida percorrendo. Ó diversão doida e cruel.

Tão menos que a silhueta. O tempo é carrossel, avaria,
Mostruário de poentes cinzas e laivos, se torna insano.
É sombra e luz na imagem branda e esquiva dos dias
No olhar de olhos vítreos na esquina dos meus anos...

E comigo: os meus filhos, amigos (as) e os meus irmãos,
As moças, as sereias do mar, da terra e as sereias do céu.
E comigo: o mar de Juá, a lua e a musa em um só coração
Nas fragrâncias e nos desejos dos corpos largados ao léu...

Aos blogueiros(as), na minha cabeça faz sereno
Ai é que eu saio! Coloco os meus pára-raios.
Olhando o azul, observo o horizonte baço, aceno
E de braços abertos, corro, caio na gandaia, esvaio...

O Sibarita

7 comentários:

Uma aprendiz disse...

Oi Siba

Estava aguardando seu post para poder parabenizá-lo. Sabia que, no mais tardar, hoje leria algo em homenagem a este dia tão importante na sua vida.

PARABÉNS!!!!!!!

Nesta data um nova página em branco se abre para que você a preencha da melhor forma possível e sob a proteção e orientação de DEUS Pai.

Muitas felicidades!!!!

62 milhões de beijos

P.S.: refiz o comentário pois o anterior deu erro na hora de publicar.

Bandys disse...

Siba,
Eu sou loura meu fio, é teu aniversario??? Quem manda ter amiga lourinha, kkkk

Se não for ja vou dar adiantado ou atrasado
Alguma coisa está acontecendo,
olhei para o céu, cadê as estrelas???
o sol sumiu;
a lua partiu.........
Sumiram as rosas dos jardins,
Sumiram os peixinhos do mar,
E vento deve estar soprando em outro lugar......
Em busca de ajuda,
procurei os anjinhos,
e nem eles consegui encontar.
Quando de repente um deles,
eu vi tentando escapar.......
Não exitei, e fui logo perguntando:
Anjinho, anjinho: -O que está acontecendo???
E o anjinho mesmo que apressado,
respondeu ao meu chamado:
-Meu rapaz, você não tem do que se preocupar,
todos saíram para comemorar,
o aniversário da pessoa mais legal.......deste lugar......

Afff tu me poe doida.

Saude, paz, e mil felicidades
Beijos
.

Olhos de mel disse...

Oie Siba; Tenho certeza que sua mãe está sempre a seu lado e essas vibrações lhe fez muito feliz. E que ela esteja num caminho cheio de luz e flores...
A você Siba; que Deus lhe faça muito feliz e realizado! E que lhe faça sempre essa pessoa maravilhosa, cheia de fé e amor, para espalhar entre seus amigos.
Adorei a poesia!
Beijos

Desnuda disse...

Querido amigo,

De verdade, creia...Comecei a ler e sentir uma forte emoção com lágrimas nos olhos.... Hô véio... Continuando a ler o belo poema de amor e vida comecei a agradecer a Deus na observância também do seu aniversário, agradecida por ter a oportunidade de desejar a você tudo o que sempre desejei pela afinidade, admiração e afeto desde nosso primeiro contato, ainda que virtual, muito verdadeiro e conhecido da minha alma ( é o que sinto). Te desejo pelo infinito dos seus tempos e em todas estadias aqui rsrs tudo o que você necessitar fisicamente e espiritualmente para a sua felicidade. Que Jesus e Maria continuem te abençoando e iluminando seus caminhos.

Um longo e apertado abraço e carinhoso beijo. Parabéns Siba!

Kátia disse...

Ô esse menino!Mas,que maravilha!!!Eu "vortei" aqui bem na hora do parabéns!Nem sabia que é taurino.Eta, esse menino "meteu bronca" hein?kkkkkkk.Tava com saudades de mim foi fio?pois,óia eu aqui esse menino!Tava aperriada cheia de coisa pra fazer e resolver,mas tou bem de saúde viu?Vez por outra eu lia em meu email seu "chororô" perguntando onde eu tava e se eu tinha tomado "chá de se pique",fiquei muito emocionada por sentir sua preocupação e agradecida a Deus porque tu como bom conterrâneo que é,demonstrou esse cuidado que só quem é da terrinha trata os seus dessa forma(e quanta falta faz esse chamego mútuo do meu povo aqui em terras paulistanas!).Mas menino!você botou pra lenhar com essa festa hein?logo na entrada aqui em sua casa "me armei" com Seu Corró escondidinho ali atrás do coqueiro me zoiando,(até ele tava com saudade de mim,óia!)e dancei um arrocha e acabei botando pra lenhar no kuduro ao som de Magary Lord,sou ou não sou "boca de zero nove"?kkkkkkkkkkk.Esse menino,lhe desejo muita saúde,prosperidade,alegrias e criatividade pra poder continuar com este espaço divulgando nosso dialeto,nossa cultura e nosso jeito carinhoso de ser para quem não conhece e que muitas vezes por inveja e/ou maldade tenta denegrir nossa imagem com comentários maldosos,atribuindo preguiça,burrice,desleixo em se vestir dentre outras coisas ao nosso povo que é tão lindo e maravilhoso.Axé pra vc "mô pai" e que tudo continue lindo em sua vida.Você mora em meu coração e não paga aluguel "vúh"?rai ai.Vou "abrir o gás" agora antes que você fique todo metido a "gás com água" kkkkkkkkkkk...Beijo e cheiro!!!!!

Vanuza Pantaleão disse...

Siba, meu querido!
Se o tempo é carrossel, brinquemos nas suas asas. Somos crianças eternas e da vida queremos a essência sem a ninguém prejudicar.
Deus te abençoe!
Feliz aniversário, amigo dileto do coração!
[não chore tanto, teus pais não gostariam]
Beijinhos! Te adoramos!!!

Anônimo disse...

Olá meu querido amigo...
Há momentos na vida
seja de alguém, seja de algum lugar ou
de coisas,que não se encaixam mais na nossa vida.
Debaixo do céu há momentos para tudo,
e tempo certo para cada ciosa.
Chove em mim as palavras.
Que Deus te conserve assim...
Uma pessoa cujos sonham se tornam poesias.
Uma pessoa que se preocupa em doar seus ensinamentos espirituais as pessoas em sua volta.
Uma noite de magias, sonhos, paz e luz.
Regina coeli