segunda-feira, setembro 04, 2006

Vênus


Ninfa dos amores,
curvo-me ao teu corpo orvalhado,
onde, meus lábios se lambuzam,
sugando-te o favo do pecado.

As minhas mãos passeiam,
é querer, é brisa... é ventania,
percorrendo nos teus pelos
e entranhas como gotículas
inocentes dos meus desejos.

Beijarei os teus róseos mamilos,
enquanto dedilho meus acordes,
onde, florescem as tuas penugem
em cor tênue de cobre polido.

Ó flor! Descerei ao teu tronco,
desabrochando tuas pétalas.
Delas, inalarei o perfume,
sorvendo da alquimia frenética,
toda a seiva do teu néctar...

Gazela! Tu, apenas tu,
carne de cristal, úmida de gozos.
Sob as luas que sonhastes,
enlouquecida nos meus beijos covardes,
a noite borbulha os teus ardentes gritos,
não me mates, não me mates...

O Sibarita
Posted by Picasa

12 comentários:

asn disse...

Eh...estou no Sibarita?
O Mozilla, que uso há dois dias, ainda me atrapalha um pouco. Mas parece-me mais prático que o ie. Será?
Já que aqui vim parar, como em 2ª janela tenho o poema Vênus, sempre vou deixar aqui o meu olhar...
Bons poemas...a vida é assim. Sinto que sou um poeta, lírico talvez, mas que só muito esporadicamente consegue passar para a escrita a sua prosa poética. Que pouco mais sou capaz de escrever.
Ah tenho um soneto memorizado (talvez até ao fim dos meus dias...) que escrevi à minha primeira namorada (praí em 1967.............) mas que ela nunca acreditou que fosse meu original. Se calhar isso traumatizou-me. Nunca me lembrei de ir a um psicólogo(a)! Quem sabe não esteja ainda a tempo?
Viva a Vida!
antonio dispersamente

Bel disse...

O poema é lindo, faz nos desejar alguém que para nós é importante. Gosto da foto.
No entanto surgiu me uma dúvida a nível de português, escreves úmido, em portugues de portugal escreve se Húmido. A questão é se realmente se escreve assim no Brasil ou se foi lapso.
Um beijo

Professorinha disse...

O poema é lindo, os outros também são, já estive a lê-los.

Obrigada pela visita e comentário ao meu blog.

Um Poema disse...

Sensual e intenso.
Um abraço

Ana Prado disse...

Isso mesmo. Muito sensual. e intenso.

happiness...moreorless disse...

ler poesia é mesmo no te blog...adoro passar por aqui!
o poema esta fantastico e muito sensual.

parabens*
beijinhos

woman´s secret disse...

Palavras belas, soltas ao vento, na serenidade da noite... enquanto eu... delicio-me com a intensidade do seu som mudo, saltitando na tela perante o meu olhar...
e sorrio... murmuro baixinho... é poesia...

Beijos
Nadir

happiness...moreorless disse...

venho aqui deixar o meu novo Blog, infelizmente tive que recriar o meu espaço =(

aguardo uma visita...

beijinho

Menina do Rio disse...

Estou aqui com meu olhar de ninfa extasiada por tão belo poema.

"descerei ao teu tronco desabrochando tuas petalas e inalarei o perfume..."


Beibos Siba e tem um ótimo findi

Sónia Santos disse...

ola...
voltei para ler e reler teus belos poemas de extremo bom gosto nas palavras...e de escolha...
e sempre bom vir aqui
como foi bom receber tua visita em meu humilde cantinho....
desejo de um maravilhoso fim de semana
jinho grande com carinho

Saramar disse...

Maravilhosamente intenso!
A sensualidade e a doçura na mais perfeita medida.
Adorei.

Beijos

Anônimo disse...

Eu queria inspirar uma poesia assim...